D&D Campaign Adventures for Candlekeep Mysteries - Available now @ Dungeon Masters Guild
DUNGEONS AND DRAGONSAproveite as ofertas de DnD traduzido na Amazon Brasil!

Como fazer uma One Shot de RPG?

Para narradores novatos, veja como elaborar uma one shot de RPG para se divertir com os amigos sem compromissos e em poucas horas.

One Shot de RPG

Se você é um jogador ou mestre de RPG, já deve ter ouvido o termo one shot. Conforme nosso dicionário:

  • Aventura rápida. Normalmente uma aventura que começa e termina em uma única sessão. Aventura de teste ou de eventos.

One shot é excelente para introduzir novos jogadores, apresentar um cenário ou regras de RPG sem pretensão para uma campanha, ou até mesmo para jogar fora do ritmo de campanha, introduzir novos mestres, apresentar em eventos, etc.

A One Shot de RPG é uma ferramenta narrativa, mas muitos mestres ficam perdidos em fazer uma, as vezes ficando longa demais, demandando mais sessões de jogo e descaracterizando a one shot, ou não tem o tato para criar uma.

Nesse artigo vamos dar dicas para fazer uma one shot, independente do sistema que você vá usar.

One Shot de RPG
Arte de Angela Di Nubia para uma One Shot de RPG

Como fazer uma One Shot de RPG

Siga esses passos, mas sinta-se livre para escolher o que usar. Esse guia é para ser usado como pontapé para criação, e não como regras pétreas. Divirta-se!

Escolha o Tema

Se você vai narrar uma one shot, saiba o tema que irá nortear o jogo. Vai ser uma aventura exploratória? Um resgate? Investigação? Capturar um alvo ou algo?

Escolha o Sistema

Essa é a parte mais fácil. Dê preferência para sistemas familiares para você e para seus jogadores. Explicar regras tomaria muito tempo, e tiraria o ímpeto de diversão.

Se for uma one shot para apresentar um sistema, então faça-o explicando as regras conforme jogam.

Fichas Prontas ou Fazer Fichas?

Se você está mestrando em um evento ou para novos jogadores, aconselho a fazer as fichas para que eles somente se preocupem em jogar e absorver o jogo.

Se são jogadores experientes, peça-os para fazer as fichas antecipadamente. Antes da one shot de RPG, revise as fichas e faça as devidas observações.

Manutenção de Tempo e Foco

Você precisa saber quanto tempo cada parte da one shot levará. Uma boa one shot leva de 3 a 5 horas, com uma média de 4 horas de jogo. Com base nisso, você precisa elaborar histórico, NPCs, e um caminho pré-determinado para os jogadores.

Se você deixar muito aberto, é possível que os jogadores tomem caminhos totalmente diferentes do planejado. O desafio então é saber, dentro da narrativa, como prender os personagens, e assim os jogadores. Se você fez as fichas, isso não será problema. Já se os jogadores fizeram, aí cabe a revisão dada no tópico anterior.

Tente também manter o foco o tempo todo. Não adiante elaborar uma aventura de 3 horas, onde já se passaram 4 e os jogadores não chegaram nem na metade da aventura…

Usando material visual

Esse é um apelo narrativo não só para one shots, mas para qualquer jogo de RPG. Mas para esse tipo de jogo, ele fica mais importante, já que estamos lidando com tempo.

Use imagens, adereços, mapas, miniaturas… Tudo o que você tiver ou puder ter alçance.

A regra dos 3 capítulos

Como uma redação, uma one shot de RPG precisa ter início, meio e fim.

Essa regra pode ser seguida ou não, pois cabe de cada one shot de RPG. Elabore o jogo como se fosse 3 capítulos:

Apresentação: seria a motivação para a jornada dos personagens. O chamado para a aventura. Nessa parte, os jogadores serão apresentados também ao cenário, NPCs importantes, e poderão desenvover as características narrativas dos seus personagens.

Conteúdo: o trajeto até a conclusão. Aconselhamos que seja dividido em 2 a 4 encontros, sejam eles narrativos, de combate ou de investigação. Lembre-se de propor encontros rápidos, sem muitos desafios, mas cativantes.

Conclusão: seria o final. O monstro final, vilão final, ou revelação final. Aqui os personagens poderão ter sucesso, ou não, e poderão ganhar suas recompensas (boas ou não). Nessa parte, o mestre pode colocar um gancho para uma nova one shot, ou aproveitar e usar essa one shot para introduzir os jogadores a uma campanha.

Elaborando os encontros

Uma boa administração de encontros é essencial. Nessa hora, vale conhecer o sistema previamente. Existem sistemas que focam em combate, enquanto outros focam em investigação ou narrativa. Uma boa one shot de RPG usa os três, independente do sistema.

Se você conhecer os jogadores, e sabem que eles preferem um tipo do que outro, você pode trabalhar nisso. Como exemplo, se os jogadores gostam muito de combates, você pode priorizar três encontros em combate. Se eles são um misto, coloque um encontro narrativo, um investigativo, e dois combates.

Se for uma one shot investigativa ou de terror, coloque um encontro narrativo, dois a três investigativos, e um de combate (que possivelmente eles fugirão…).

Não tem uma regra ou dica exata para esse tópico. Vale mais o seu feeling de jogo.

One Shot de RPG
Créditos da imagem: Jen Vaughn, do Rolled & Told Issue #0

One Shot com gostinho de quero mais!

Uma One Shot de RPG é um excelente tipo de jogo para apresentar novos jogadores, mestrar em eventos, ou simplesmente passar o tempo sem pretenções.

Após uma one shot bem sucedida, seus jogadores poderão instigar você a continuar. E você deve?

Claro! Se você possui ideias para expandir ainda mais o jogo, quer criar um cenário baseado nessa sessão, ou até recrutou novos jogadores para forma uma mesa recorrente, não foi apenas que sua one shot foi um sucesso, mas sim você foi um excelente mestre!

Agora se você não recebeu o feedback que queria, não fique triste! Inicie novamente, recrute outros jogadores, e apefeiçoe sua arte narrativa. Você está no caminho certo!

Deixe aqui nos comentários suas expectativas e dúvidas.

E rolem dados!

Best Selling RPGs - Available Now @ DriveThruRPG.com Create Your Own Eberron D&D Adventures @ Dungeon Masters Guild